A AABB Jataí inicia a campanha “Vamos manter a água limpa”

A Diretoria da AABB – Jataí inicia neste mês de novembro a campanha “Vamos manter a água limpa”, a intenção é conscientizar os sócios e convidados a utilizarem a ducha antes de entrarem na piscina. Além de conscientizar os banhistas o intuito da campanha é também manter a qualidade e limpeza das piscinas em dia.

É importante ressaltar que as piscinas são tratadas diariamente por funcionários, mas que a colaboração de todos evitaria muitos contratempos, como por exemplo: o desperdício de produtos, retrabalho com a limpeza e a baixa qualidade da água.

O que muitos não sabem é que os resíduos e produtos químicos que os corpos dos banhistas liberam na água, podem se misturar com o cloro já presente na piscina e gera um derivado chamado cloramina. Este derivado deixa a água da piscina opaca, com cheiro desagradável de cloro, podendo causar irritações na pele e nos olhos dos banhistas.

Por isso, a AABB-Jataí sugere algumas dicas de higiene e segurança para os associados e convidados.

 

Dicas de higiene e segurança na piscina

 

  • Tome uma ducha antes de entrar na piscina. A oleosidade do corpo adere nas bordas e nos equipamentos de piscina.
  • Não use bronzeadores ou protetores solares a base de óleo: a gordura desses produtos fica na superfície da água e mancha os azulejos das bordas da piscina. Utilize os produtos não gordurosos com indicação na embalagem: “oilfree” ou “contém silicone”. Se utilizar produtos gordurosos, tome uma ducha antes de entrar na piscina.
  • Não faça xixi na piscina.
  • Não troque fraldas nas proximidades da piscina. A urina e as fezes contaminam a água. Para trocar o bebê, utilize um vestiário ou fraldário. Recomenda-se o uso de fraldas apropriadas para a piscina.
  • Não ande com copos, frascos e garrafas de vidro ao redor da piscina. Eles podem quebrar e causar ferimentos aos usuários da piscina.
  • Não coma na área próxima à piscina. Contribua para manter a qualidade da água livre da contaminação de resíduos dos alimentos.
  • Crianças menores devem estar acompanhadas pelos pais ou responsáveis. Evite o risco de acidentes, afogamentos na piscina e, em caso de cortes ou machucados abertos, cuidado com a contaminação por vírus ou bactérias.
  • Não frequente a piscina se tiver micose, pé-de-atleta ou qualquer outro problema que cause a contaminação dos usuários por vírus, fungos e bactérias.
  • Cuidado com as brincadeiras de lutas e empurrões na piscina. Podem ocorrer acidentes com graves consequências.
  • Fique atento antes de mergulhar. Verifique a profundidade da piscina e preste atenção se há outros mergulhadores na mesma área, para evitar colisão, ou objetos na água que possam causar ferimentos.

 

AGUA 1